segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Ninguém nunca falou que iria ser fácil...

Antes de ler: coloca o vídeo para rolar. Quero que leia com trilha sonora. Ok? ;)



Queridos... Concurso público tem disso!


Depois de um insucesso você fica muuuuuito triste, inseguro, passa a desconfiar da sua própria capacidade, busca onde errou (pois nunca havia estudando tanto para uma prova e foi essa mer**), não agüenta narrar nos dias seguintes pelo telefone a mesma estória de fracasso para os amigos que ligam para perguntar “e aí, como foi a prova?”, tem vergonha de admitir aos pais e companheiros a nova derrota (e comumente nessa narrativa desaba no choro), quer largar tudo e arrumar algum emprego (e nessa hora fica com aquele pensamento “vou desistir a essa altura” “vou passar recibo de perdedor”), sente uma angústia sem fim no coração, desespero em pensar que tem que voltar aquela rotina maçante, ou simplesmente quer se isolar do mundo (ir para uma ilha deserta) para não ter que dar satisfação a ninguém...


Meus amores... É ASSIM.

Você não é o primeiro e nem será o último.

- Pô Mozart, eu não agüento mais! – Agüenta sim!
- Não agüento não! – Guenta!
- E o que que eu faço? – Dá um tempinho... que a força volta!
- Quanto tempo? – Num sei... depende de você. Só não demora muito, pois o quanto mais rápido você voltar será melhor (garanto)!
- Mozart, é muito difícil! – Ninguém nunca falou que iria ser fácil!

Mas saibam: TAMOS JUNTOS, pois no final sempre dá tudo certo! ; )

Beijos e abraços.

Mozart
Twitter: @mozartborba
Facebook.com/mozartborba

Um comentário:

  1. Juntei os meus cacos depois do TJ...esse vai ser O ano!!!!
    Beijoo

    ResponderExcluir